PARI PASSU

O acompanhamento, a par e passo, da vida nas Ilhas dos Açores, desde a economia e política até à cultura e religião.

16.5.06

Droga e mais droga

A freguesia dos Arrifes é, a par da vila de Rabo de Peixe, a localidade não urbana de São Miguel onde se regista um maior tráfico e consumo de droga. Esta é uma das preocupações prioritárias da Junta de Freguesia e também da população local, que vê o fenómeno crescer, assim como todas as consequências sociais que o mesmo acarreta (para assinantes).
Enquanto à nossa volta a toxicodependência grassa a olhos vistos, o poder local e o poder regional andam distraídos com o Tino de Rans, a Micaela e a Ruth Marlene, ou o concerto de música clássica para bebés, o Portas do Mar, e as estradas para o Nordeste na modalidade SCUT,s.
Incoerência! Há que resistir a esta onda de irresponsabilidade.

2 Comments:

At 11:10 da manhã, Blogger Pedro said...

Caro Luis Anselmo
a Câmara Municipal de Ponta Delgada recusa instituir um plano municipal de luta contra as toxicodependencias por considerar que tal é da exclusiva responsabilidade do Governo Regional, já agora co as térmitas foi a mesma coisa, foi proposta a criação de um gabinete de crise com sede na Câmara para lidar com o problema e tal foi recusado...
enfim, são os politicos que temos.

 
At 9:31 da manhã, Blogger Luis Anselmo said...

Caro Pedro,
não o conhecia como porta voz da Câmara Municipal de Ponta Delgada.Parabéns! As autarquias devem ter esta preocupação: o aumento da toxicodependência e a segurança. DEvem fazer pressão e devem ter um programa que envolva todas as forças vivas para o combate a estes flagelos. Se menos festas e espectáculos talvez sobre tempo e dinheiro para uma acção muito mais útil.

 

Enviar um comentário

<< Home